(61) 3344-4386 anauni@anauni.org.br

No momento em que o país desperta consternado com a morte da vereadora Marielle Franco, do Rio de Janeiro, pessoa dedicada às causas sociais, aos direitos humanos e às minorias, a Associação Nacional dos Advogados da União, cuja diretoria é formada em sua maioria por mulheres, entidade que representa categoria defensora de políticas públicas, em sua grande maioria voltadas para os menos favorecidos, não poderia deixar de registrar sua indignação e seu alerta.

Toda vida humana é valiosa. A violência em todas as formas de manifestação está alastrada em todo país, mas quando ela se dá contra uma pessoa com mandato popular, com expressiva votação, mulher, oriunda da camada social mais necessitada da população, num Estado e numa cidade sob intervenção militar na Segurança Pública, com a crueldade expressiva de uma execução, isso não só assusta, mas sobretudo revela: há uma clara intenção desafiadora no ato praticado na noite de ontem.

E quem tem que dar conta, não só do esclarecimento do crime, mas de uma resposta vigorosa a esse desafio do crime organizado, são as instituições estatais, cujo aperfeiçoamento constante é desejo não só dos associados da ANAUNI como de toda a sociedade brasileira.

A ANAUNI se solidariza e manifesta pesar aos familiares da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Pedro Gomes ao mesmo tempo em que conclama os seus associados a manterem-se firmes e corajosos nas suas atuações em prol de políticas públicas de resgate da dignidade, contra a corrupção e qualquer forma violência.

Notícias relacionadas: